QUEM NÃO GOSTA DE POLÍTICA LEVANTE A MÃO! | Blog do Marcondes Moreno

RADIO

domingo, 15 de setembro de 2019

QUEM NÃO GOSTA DE POLÍTICA LEVANTE A MÃO!

Share it Please
Gostar ou não gostar de política eis a questão, muitos são aqueles que inflam o peito e bradam com muito fervor o, eu não gosto de política, no entanto para que possamos ser melhores em relação a esse posicionamento cabe uma pergunta simples e objetiva, de que política você está falando? O agir politicamente é pratica comum do nosso cotidiano, a cidade ou a Polis como chamavam os gregos é o espaço onde o fenômeno se apresenta e aponta para as mudanças e permanências para o melhor bem-estar em sociedade.
Não gostar de política pode muitas vezes até mostrar uma certa indiferença em relação ao que penso sobre a comunidade em que vivo, o ato de escolher já é um ato político, portanto ao ir à escola em lugar de ir jogar futebol é um ato político, ir ao cinema e não a lanchonete um outro, votar em um político realmente capaz e não em um desclassificado qualquer também representa o mesmo ato, os desafios da política se tornaram muito maiores na atual sociedade erigida sobre grandes avanços tecnológicos a exemplo da internet e dos mimos da nanotecnologia, se o primeiro avanço representa uma possibilidade cada vez maior de interagir com o mundo o segundo mostra a possibilidade de materializar o mundo no seu bolso e ter realmente a ideia de tê-lo na palma da mão, apenas a ideia, pois conhecimento não é algo que se produz com apenas alguns cliques.
Ao mesmo tempo, não paramos para discutir a qualidade das relações que estamos firmando em rede, no caso das discussões políticas nas chamadas redes sociais, cada dia que passa a qualidade diminui, mostrando mais as entranhas dos interesses pessoais, que as necessidades coletivas, e é bom que nos lembremos que política individual pode ser apenas clientelismo e que o coletivo sempre vence na democracia, portanto tenhamos mais cuidado, não gostar de política é um direito de todos, deixar de agir em favor da coletividade é dar razão para que as pessoas gostem menos ainda, toda ação nossa que requer escolhas requer uma ação política, seja ela polida ou não, todos somos políticos ou todo político é ladrão? Eis a questão. No mais fica o dito para ser reescrito e ponto final.

Nenhum comentário:

Postar um comentário