UM MINISTRO QUE NÃO É MENESTREL! | Blog do Marcondes Moreno

RADIO

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2019

UM MINISTRO QUE NÃO É MENESTREL!

Share it Please
A educação é a chave para um futuro mais digno, não precisamos pesquisar muito para saber que os países com alto grau de desenvolvimento investiram muito em educação e acompanharam o desenvolvimento do processo para atingir as metas desejadas. Um povo que não preze pelo nível educacional da sua nação é um povo fadado ao fracasso, no entanto no que se refere as políticas públicas para o melhoramento da área educacional não temos espaço para firulas típicas de conversa de botequim em fim de noite, não se resolve problemas educacionais apenas testando as cordas vocais dos estudantes ou fazendo pequenos clips com eles cantando a beleza da sua nação. Não temos mais tempo para amadores, não temos mais tempo para tantos erros, não temos mais tempo para perder.
Nosso país demorou muito para universalizar a educação primária, pecou e ainda peca gravemente com os investimentos nas diferentes etapas, da educação infantil a universidade, e não aprendeu ainda a dar o devido valor aos professores, portanto temos urgências em relação a herança ruim e devemos ter agilidade para preparar o país para um futuro em que pelo menos dois bilhões de empregos vão desaparecer por conta das novas tecnologias, só no Brasil cerca de 11.900 robôs industriais serão comercializados até 2020 afetando 15,7 milhões de trabalhadores pela automação de acordo com a consultoria McKinsey, então não serve apenas preparar os estudantes para o agora, carecemos de planejamento e execução e pequeno, médio e longo prazo.
Tivemos avanços positivos em relação a educação, exemplo disso são as chamadas provas externas que contribuem para a fiscalização através dos índices, a criação do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) que permitiu o ingresso de muito mais jovens através das notas do Enem nas universidades, a BNCC e tantos outros marcos legais que nos fazem ter mais esperança de melhorar o nível dos nossos professores e estudantes. Temos inúmeras coisas para discutir em torno dos gigantes desafios da educação no nosso país, quem sabe no final das discussões e das ações necessárias para que a educação eleve a qualidade de vida do nosso povo, não possamos colocar em pauta a importância dos nossos símbolos de Estado, dentre eles o nosso belo Hino Nacional, que deve até lá, ser cantado principalmente para que o povo gigante pela própria natureza, seja ouvido em um brado retumbante, Pátria amada Brasil. No mais fica o dito para ser reescrito e ponto final.

Nenhum comentário:

Postar um comentário